10 Motivos pelos quais o estilo de vida Primal funciona para mim

Este post é uma tradução livre de 10 Real-Life Reasons Why the Primal Blueprint Works for Me, por Mark Sisson, e pode ser encontrado em seu site Marks Daily Apple. 

mark piscina

10 Motivos pelos quais o estilo de vida Primal funciona para mim part-1

– veja aqui a parte 2 deste artigo.

Recentemente a “dieta dos homens das cavernas” tem sido mencionada cada vez mais pela mídia, assim como a prática de esportes descalço.  A dieta Primal/ Paleo parece estar se tornando cada vez mais popular, podendo estar chegando à massa crítica necessária para ser apreciada pelas principais mídias. Meu livro recentemente chegou aos 10 maiores títulos sobre saúde e boa forma do Amazon. Mesmo assim, quem é Primal ainda recebe aqueles olhares ocasionais de escárnio ou incompreensão quando aparecemos na academia usando nossos Five fingers com (peso pendurado) em nossa cintura para uma sessão de musculação curta de 15 minutos.

Eu acho que há um sentimento entre os de fora que o conto de fadas Paleo/Primal é considerado mais importante do que a ciência dentro da multidão Primal – que a ideia de viver como um homem das cavernas é uma ideia interessante, mas irrelevante para nós que vivemos no século da tecnologia. Claro que isso não é verdade, a ciência sempre lidera o caminho aqui no meu site e em muitos sites Primal/Paleo.

Mas, mesmo com a ciência apoiando completamente a idéia de que devemos imitar nossos ancestrais caçadores-coletores, em muitos aspectos da vida, eu ainda ouço coisas como: “Eu confio no meu médico demais para desistir das estatinas e começar a comer gorduras” ou “Eu sou preguiçoso, indisciplinado e eu adoro demais comida gostosa, para ser capaz de mudar meus hábitos neste ponto da minha vida”. Espera ai! Eu também! Portanto, para aqueles de vocês que estão procurando uma justificativa mais detalhada do motivo pelo qual adotar um estilo de vida Primal é melhor para todo mundo (incluindo seu marido, esposa ou seus pais ), seguem meus 10 Motivos pelos quais o estilo de vida Primal funciona para mim.


  1 . Eu sou preguiçoso

 

Ironicamente, eu passei 25 anos da minha vida em busca de um alto nível atlético e buscando otimizar minha saúde por meio de trabalho duro, disciplina, sacrifício e sofrimento. Isso não funcionou para mim. Eu já superei isso. Agora eu só busco os melhores resultados com o mínimo de dor, sofrimento e sacrifício. Eu digo aos meus amigos ex-triatletas brincando: “Eu prefiro parecer em forma a estar em forma.” É claro, a ironia é que, quando você realmente faz o que é preciso para parecer sarado (comer direito, cortar o cardio crônico, fazer um pouco de sprint(tiros) e, em seguida, levantar coisas pesadas intensamente duas ou três vezes por semana), você fica bem sarado, saudável, feliz e mais produtivo.

A melhor parte do estilo de vida Primal é que você pode atingir melhores resultados com muito menos tempo, menos esforço e menos sacrifício. Em vez das antigas 20-30 horas por semana que eu costumava treinar, agora eu treino menos de três horas por semana no total e tento brincar e curtir o resto do tempo.

lazy preguisa

 

2 . Eu amo comida gostosa

 

Algumas pessoas estão erradas em pensar que para seguir a dieta Primal/Paleo, é necessário abrir mão de comer uma comida deliciosa. Nada poderia estar mais longe da verdade. Quando eu era um atleta de resistência da faculdade, meus amigos me apelidaram de “Arnold”, em referência a Arnold Ziffle , um porco de um programa de TV. Eu poderia comer mais do que qualquer um na escola (incluindo os atacantes de futebol). Eu comia tudo e de tudo. Gostava bastante. Mas eu me tornei um escravo dos carboidratos e da fome que surgia a todo instante do meu dia. Mais tarde, quando eu me aposentei, passei a pesquisar os danos que eu estava causando a meu organismo ao comer grãos, açúcares, óleos hidrogenados e todas as outras coisas que eu consumia para suprir a demanda de meus esforços enormes de exercícios cardiovasculares.

Eu temia sofrer com a falta de prazeres gustativos na vida e eu queria manter a minha velha forma de meninão. Isso nunca aconteceu. Seguir a dieta Primal reprograma seus genes de uma forma que faz com que você perca a gula, garantindo ao mesmo tempo altos níveis de energia, mais que o suficiente e níveis de glicose sanguíneos estáveis. Agora, eu posso comer o quanto eu quiser, quando eu quiser com base em uma lista de alimentos incrivelmente saborosos. Eu só evito comer a maioria das coisas da outra lista. A fome agora não comanda minha vida da maneira que costumava fazer.

Quando eu me sento em um restaurante com uma rara peça de meio quilo de contra filé de alcatra, uma tigela de cogumelos salteados na manteiga e um copo de vinho Cabernet na minha frente, eu nunca sinto pena de mim mesmo, por não ter feito macarrão ou que ele não vem acompanhado de pão ou arroz. E para a sobremesa, se eu ainda estiver com fome eu realmente prefiro comer outra costeleta de cordeiro ou um pote de frutas vermelhas do que uma fatia de bolo de “papelão”* ou sorvete que acaba com a mucosa intestinal. Na pior das hipóteses, eu posso comer uma pequena amostra do último e ficará satisfeito.

*Se não estou enganado ele se refere a um antigo artigo científico, demonstrando que cereais são tão nutritivos quanto um pedaço de papelão.

steak

 3. Eu gosto de diversão

 

Passei uma boa parte de vida treinando para competições de resistência (maratonas, triatlos Ironman, etc). Foi só recentemente que me ocorreu o fato de que eu nunca tive tempo de me divertir enquanto eu estava competindo ou enquanto eu estava treinando. Evidentemente, eu poderia, de vez em quando, aproveitar o momento, mas isso era realmente apenas uma zona temporária de menos dor. Eu apreciei a valentia dos meus esforços e, certamente, senti muito orgulho de minhas conquistas, mas a partir do momento da largada até cruzar a linha de chegada, eu nunca pude dizer sinceramente: “Que diversão!”.

Por outro lado, hoje eu planejo a maior parte do meu treino (mínimo) de um jeito que eu possa participar de atividades divertidas mais tarde. Enquanto eu não conto a brincadeira como fazendo parte necessariamente da “hora de treino”, ela certamente contribui para a minha forma física. Um treino Primal me dá forças para um jogo competitivo de Frisbee, remar por 2 horas no meu stand- up paddle e fazer uma trilha de 90 minutos na serra, jogar uma partida de golfe ou praticar cinco dias seguidos de snowboard em uma montanha. Eu mantenho a boa forma para que eu possa brincar com o que eu acho DIVERTIDO.

MarkFrisbee

 

 4 . Eu gosto de dormir

 

Eu costumava me sentir culpado se eu dormisse demais. Como se eu estivesse perdendo algo que pode estar ocorrendo, enquanto as luzes ainda estavam ligadas em algum lugar. Agora eu tenho pelo menos oito horas de sono todas as noites e abraço a idéia de que eu não estou perdendo tempo nenhum, muito pelo contrário, estou recarregando as baterias e, provavelmente, vou viver mais tempo por isso. Acho que a maioria das pessoas preferem ter um sono adequado, mas parece que muitas pessoas enxergam como um sinal de fraqueza o fato de “precisarem” de oito ou nove horas de sono. Não é fraqueza. O sono é essencial para a saúde.

noite, sono

 

 5. Eu não gosto de ficar doente

 

Ninguém gosta. No auge de minha carreira como atleta, tive resfriados e gripes de cinco a sete vezes por ano. Eu também tinha graves alergias sazonais ao pólen. A natureza do treino cardiovascular crônico (tamanha a quantidade de cortisol) e da dieta rica em carboidratos (todo aquele açúcar) manteve meu sistema imunológico tão fraco que eu podia pegar qualquer coisa do ar (vírus, etc). E eles sempre estão por aí. O estilo de vida Primal funciona porque ele apóia ou estimula o sistema imunológico e não o destrói. Há muito tempo minhas alergias desapareceram. Eu raramente pego qualquer tipo de resfriado ou gripe e quando pego ele passa muito mais rapidamente e não chega a ser um problema. Muitas pessoas argumentam que só por este benefício já vale a pena a mudança para uma alimentação e um estilo de vida Primal.

Fiquem ligados na parte-2 que logo estará disponível.

Obrigado.

Banner1

1 Comentário

  1. cleusa

    Onde está a parte 2 desta lista?

    Responder

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Anti-Spam by WP-SpamShield

Show Buttons
Entre em contato
Hide Buttons